"A chuva nos ruídos"

Vera Lúcia de Oliveira (Maccherani)

   Rio de Janeiro, Escrituras,

 São Paulo, 2004

 

   opera vincitrice del

 

   «Prêmio ABL de "Poesia 2005", Academia Brasileira de Letras»

 

  Rio de Janeiro, 20 luglio 2005

 

quale miglior libro di poesia pubblicato nel 2004 in Brasile

 


Lêdo Ivo e Vera Lúcia de Oliveira - foto Claudio Maccherani


Ferreira Gullar e Vera Lúcia de Oliveira
fo
to Claudio Maccherani


Alfredo Bosi e Vera Lúcia de Oliveira
fo
to Claudio Maccherani


Ferreira Gullar e Lêdo Ivo - foto Claudio Maccherani


Ivan Junqueira e Vera Lúcia de Oliveira
 fo
to Claudio Maccherani


Marcos Vilaça, Ligia Fagundes Teles e Vera Lúcia de Oliveira - foto Claudio Maccherani


Ferreira Gullar e Vera Lúcia de Oliveira

entrega prêmios - foto Claudio Maccherani

Vera Lúcia de Oliveira

Prêmio ABL de Poesia 2005

Rio de Janeiro, 6 de maio  de 2005

Ilma. Sra.

Vera Lúcia de Oliveira

Prezada Senhora:

 

Comunico, com muita satisfação, à ilustre escritora que o plenário da Academia Brasileira de Letras decidiu conceder o Prêmio ABL de Poesia de 2005 a V. Sa. por seu livro A chuva nos ruídos, e à escritora Neide Archanjo, por seu livro Todas as horas e antes.

Ao felicitá-la, aproveito o ensejo para informar-lhe que a solenidade de entrega será realizada na sede da Academia, no Rio de Janeiro, no dia 20 de julho, quarta-feira, às 17 horas.

 

            Na oportunidade, apresento-lhe as expressões de apreço e consideração.

 

Atenciosamente, 

Ivan Junqueira

Presidente

Academia Brasileira de Letras,  Av. Presidente Wilson, 203 -  Castelo, 22030-021 – Rio de Janeiro

 

 

Prêmio Academia Brasileira de Letras aos intelectuais que se destacaram em 2004.

 

Prêmio "Machado de Assis" pelo conjunto da obra, que engloba dezenas de livros de poesia e ensaios, além de sua produção mais recente: Ferreira Gullar

 

Prêmio de poesia: Vera Lúcia de Oliveira, "A Chuva nos Ruídos"

                            e Neide Archanjo, " Todas as Horas e Antes"

 

Prêmio de ensaio, crítica e história literária: Mário Chamie, "A Palavra Inscrita"

 

Prêmio de literatura infantil: Rogério Andrade Barbosa, "Contos Africanos para Crianças Brasileiras"

 

Prêmio de tradução: Ivo Barroso, "Teatro Completo" de T.S. Eliot

                               e Eduardo Brandão, "O Espírito Medieval" de Etienne Gilson

 

Prêmio de ficção: Cristóvão Tezza, "O Fotógrafo"

 

A comissão do prêmio da ABL é composta pelos "imortais" Lêdo Ivo, Carlos Nejar, Marcus Villaça, Alberto Venâncio Filho, João Scatinburgo, Antônio Olinto e Afonso Arinos de Mello Franco.

 

Rio de Janeiro, 20 de julho 2005

 


 Medalha Machado de Assis
 ABL 2008

Rio de Janeiro, 9 de dezembro de 2009

 

Exma. Sra.

 

Profª Vera Lúcia de Oliveira

 

Prezada Senhora:

 

Tenho o prazer de comunicar a V.Excia. que, por indicação do ilustre acadêmico Lêdo Ivo foi-lhe concedida a Medalha Euclides da Cunha, em comemoração ao centenário do saudoso confrade e grande nome da cultura nacional.

 

Na oportunidade, parabenizo-a pela láurea, que reconhece, merecidamente, a apoximação do trabalho de V. Excia. com a figura exponencial de Euclides da Cunha.

 

Atenciosamente, 

Cicero Sandroni

Presidente da Academia Brasileira de Letras

Academia Brasileira de Letras,  Av. Presidente Wilson, 203 -  Castelo, 22030-021 – Rio de Janeiro        


Medalha Euclides da Cunha
ABL 2009

   

(by Claudio Maccherani )